quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Península tramada

Avaria grossa no automóvel reteve-me quase três dias numa aldeia beirã sem acesso a jornais ou sequer a televisão (acaso de férias curtas). Hoje, desci, numa "carreira" madrugadora à cidade de Viseu para tratar dos assuntos que devia e informar-me de como vai o país e o mundo. Tomei café, li jornais e assisti ao telejornal da hora do almoço entre gente aflita com o quotidano que não pára de dobar em dificuldades.

O país gira ainda em torno das suas confusões de turno - mais um imbróglio no processo Casa Pia; ainda a entrevista do Procurador Geral da República ao DN - e duas notícias mais ou menos fresca, sendo uma expectável, a saber: i) o governo espanhol está a equacionar a instituição de valores diferenciados para as portagens a pagar por veículos estrangeiros; e ii) o governo português acaba anunciar ("última hora!", proclama o pivô) a privatização do BN, da EDP e da Galp Energia. Está bem tramada, a Península...