segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Reformar assim dá nisto

A ministra da Justiça e o Governo lá quiseram fazer a sua reforma do sistema judiciário. Fecharam tribunais, reestruturaram tribunais, fizeram a vida negra a funcionários judiciais, magistrados e advogados e privaram numerosas populações do acesso razoavelmente expedido à Justiça. 
Foi um frete à tróica e uma aventura que já deu no que deu: a coisa não funcionou no primeiro dia e abundam as dúvidas sobre se funcionará algum dia, com tanta falta de meios, instalações e funcionários.
.