quinta-feira, 13 de maio de 2010

Com a bênção da Igreja

"As medidas de austeridade e de simplicidade de vida são medidas que nós há muito tempo dizíamos que eram precisas (...) Todos os portugueses são chamados a ser responsáveis nesta hora e nós na história temos dado provas de que não temos medo das crises, nem dos momentos difíceis, mas sabemos encará-los"

Carlos Azevedo, bispo auxiliar de Lisboa e presidente da Comissão Episcopal da Pastoral Social (da igreja católica), citado pela agência Lusa